Arquivo da tag: Meias de Compressão

Meias de compressão: será que essa moda pega?

Por Yuri Motoyama

Hoje observamos que existe um kit obrigatório para dar a corridinha na praia ou no parque. Vou dar um chute aqui e você vai ticando na sua lista (rs). São eles:

  • Chapéuzinho com o cocoroto vazado (esse nome vai pegar);
  • Regata;
  • Shortinho de corrida;
  • Cinta para levar carboidrato;
  • Braçadeira para colocar seu celular;
  • Fones de ouvido;
  • Podcast 4×15 para ouvir (esse TEM que pegar);
  • Tênis da moda (provavelmente aqueles que parecem que vc deu uma bicuda em um estojo de tinta);
  • E as famosas meias de compressão.

meiaDetalhe! Tudo combinando…

Dado o fato que as pessoas precisam comer e precisam de dinheiro, a indústria fitness precisa colocar no mercado todos os tipos de produtos e novidades para encher nossos olhos. As meias de compressão estão vindo com força total. Temos vários tipos de cores, tamanhos e marcas. Mas fica aqui uma dúvida?

Para que servem essas meias de compressão?

Teoricamente, elas teriam a função de auxiliar o retorno venoso dos membros inferiores. Todo sangue que é bombeado pelo coração para os membros inferiores, precisa retornar para o coração e dar continuidade no ciclo cardiorrespiratório.  Para esse sangue retornar da sua perna, por exemplo, ele encontra uma dificuldade maior que seria vencer a ação da gravidade. O nosso próprio corpo tem mecanismos para auxiliar esse retorno com válvulas e até a própria ação muscular dos gastrocnêmios (famosas panturrilhas). As meias de compressão entrariam como um meio adicional de facilitar esse trabalho do corpo.

Existem estudos com resultados positivos e estudos que não mostram benefícios no uso da meia para melhorar o desempenho. Aqui vou mostrar um estudo recente que teve uma característica muito interessante que foi avaliar o uso de uma meia de compressão em uma prova de triathlon (meio iron man). Fato a ser considerado, pois a maioria dos resultados que temos com relação à utilização de meias de compressão foram feitos em laboratórios e com modelos para indução de fadiga.

Em que acreditar, nos livros, na ciência, no meu professor, no www.boladomarombado.com? Clique aqui e veja um post sobre.

Nesse artigo, dois grupos de atletas foram submetidos a 2 condições: um grupo utilizou a meia de compressão e o outro (grupo controle) utilizou uma meia comum (tipo soquete) durante toda a competição.

Foi realizado um teste de salto em uma plataforma de força antes e após a prova para ver se o grupo com a meia conseguia preservar a força (potência) muscular e amostras de sangue foram coletadas antes e após a prova para identificar marcadores bioquímicos relacionados ao dano muscular (Creatina Quinase, Mioglobina e Lactato Desidrogenase).

Os resultados foram interessantes, pois a utilização das meias de compressão não alteraram em nada o desempenho, não preservaram a força e nem reduziram o dano muscular causado pela competição. Podemos concluir que as meias não funcionam? Não. Temos outros pontos para levantar questionamentos do trabalho. Sabemos que outros pesquisadores encontraram benefícios pós atividade (recuperação), outros benefícios durante exercícios com a utilização das meias de compressão e a literatura parece ser bem estabelecida com relação a utilização das meias como prática terapêutica.

Se formos utilizar uma abordagem estatística com valores convencionais vemos que não houve diferença, porém o grupo que utilizou as meias realizou a prova 5 minutos mais rápido que o grupo controle. O procedimento para avaliar o dano muscular foi coletado 5 minutos após o término da competição e sabemos que as concentrações desses indicadores de dano muscular podem (e precisam) ser observadas até 72h após a indução da fadiga. Muito se discute em relação a resultados estatisticamente tratados que não apresentam nenhuma “significância”, porém as “diferenças” se forem aplicadas a prática poderiam fazer um atleta subir ao pódio por exemplo.

Particularmente eu tenho minhas dúvidas sobre a utilização de meias de compressão e ainda não bati meu martelo. Mas vale a pena ficarmos de olho.

Dê uma espiadinha nos resultados, na referência e diga o que você acha.

Gepefex Compression Stocks Gepefex Compression Stocks1 Gepefex Compression Stocks2 Gepefex Compression Stocks3


Referência

DEL COSO, Juan et al. Compression stockings do not improve muscular performance during a half-ironman triathlon race. European journal of applied physiology, v. 114, n. 3, p. 587-595, 2014.